Chuvas MERGE

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Chuvas MERGE

Mensagem  Franco T. Buffon em Qui Jul 03, 2014 10:33 am

Prezados,

gostaria entender como são atribuídos os valores de precipitação as minibacias através do Interplu MERGE.

No momento da interpolação são os valores de precipitação das células do MERGE que estão exatamente sobre os centróides que são atribuidos a elas?
Ou é feito algum tipo de média dos valores ponderado pelas áreas? Ou é utilizado outro método?

Gostaria ainda de saber se na nova ferramenta para visualização das chuvas, chamada Criar Raster de Dados de Precipitação, é utilizado o mesmo método pro caso citado acima?

Abraços!

Franco T. Buffon

Mensagens : 6
Data de inscrição : 01/04/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chuvas MERGE

Mensagem  Vinícius Siqueira em Qui Jul 03, 2014 2:40 pm

Franco,

quanto ao método de interpolação dos valores do MERGE para os centróides das minibacias usamos uma ponderação baseada no inverso da distância ao quadrado. Isso é realizado através do seguinte procedimento:

- Identificação do ponto central da célula do MERGE que possui a maior proximidade ao centróide da minibacia de interesse;
- Cálculo da distância entre os pontos acima, denominada de "distância mínima";
- Obtenção do raio de interpolação, dado pela multiplicação da distância mínima a um fator arbitrado = 3;
- Verificação e seleção das células do MERGE que estão situadas neste raio de interpolação, centrado na minibacia de interesse;
- Ponderação da precipitação de acordo com o inverso da distância ao quadrado, considerando sempre a distância entre o ponto central da célula do MERGE e a minibacia em questão.

Quanto à segunda pergunta, talvez o Ayan possa te responder com maior detalhe. Porém, nenhuma interpolação nova é feita na ferramenta Criar Raster de Dados de Precipitação. Acredito que o programa simplesmente grava os valores de chuva já interpolados de acordo com os atributos do raster (comparando com o número identificador das minibacias). Portanto, nesse caso a chuva pode ser visualizada para toda a região das minibacias ao invés de simplesmente no centróide.

Abraço,
Vinícius
avatar
Vinícius Siqueira

Mensagens : 20
Data de inscrição : 03/07/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

CHUVAS MERGE

Mensagem  Ayan Fleischmann em Qui Jul 03, 2014 4:37 pm

Oi Franco,

É exatamente isso que o Siqueira comentou. A ferramenta Criar Raster de Dados de Precipitação segue os seguintes passos:
- Leitura dos valores de precipitação já interpolados para cada mini-bacia, constantes no arquivo Chuvabin;
- Cálculo da chuva média anual ou da chuva acumulada (dependendo da opção escolhida)
- Geração de um raster com estes valores, atribuindo o mesmo valor calculado de chuva a todos os pixels de uma dada mini-bacia.

Abraço,
Ayan

Ayan Fleischmann

Mensagens : 19
Data de inscrição : 03/07/2014

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chuvas MERGE

Mensagem  Franco T. Buffon em Qua Ago 06, 2014 3:56 pm

Oi pessoal,

muito obrigado pelas respostas, agora ficou claro!
Havia imaginado que mais alguém poderia vir a ter essas mesmas dúvidas, por isso registrei aqui.

Parabéns pra equipe MGB-IPH pelo ótimo trabalho!

Abraços.

Franco T. Buffon

Mensagens : 6
Data de inscrição : 01/04/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Chuvas MERGE

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum